Conservação do elevador: cinco cuidados fundamentais!

O elevador é peça fundamental na rotina do edifício. Por isso, é muito importante que ele receba manutenção periódica, mas, além disso, os usuários devem contribuir com a conservação do elevador. 

Contudo, nem sempre as pessoas entendem que estão prejudicando esse equipamento com alguns de seus hábitos. É papel do síndico e dos funcionários do prédio educarem e fiscalizarem o uso do elevador. 

Para ajudá-lo a entender o que deve ser feito para garantir que os elevadores não fiquem inutilizados, devido ao uso inadequado, resolvemos publicar este artigo. Boa leitura!

1. Cuidado com a cabina

Ninguém quer subir pelas escadas carregando objetos pesados, como móveis ou eletrodomésticos, não é verdade? Todavia, itens pesados podem arranhar ou quebrar peças do elevador. 

Por isso, é importante revestir a cabina com panos, tapetes de EVA ou qualquer outro material que proteja o equipamento. Ademais, não se esqueça de verificar se o elevador tem o tamanho adequado para ajudá-lo nesse transporte – e se o peso da carga respeita o limite do equipamento. 

2. Respeite o limite de peso

Ignorar o limite de peso de um elevador, é como colocar dez pessoas em um carro comum. Além de ser uma experiência desconfortável, coloca-se todos em perigo e o equipamento corre risco de sofrer avarias. 

A conservação do elevador exige que as regras básicas de uso desse veículo sejam respeitadas. 

3. Cuidado com a água

Todo mundo gosta de entrar no elevador e sentir aquele perfume de limpeza, né? Por isso, muitos funcionários se esforçam para limpar esse equipamento da melhor maneira possível. 

O que muitos deles não sabem é que o uso excessivo de água pode causar danos em dispositivos eletrônicos, como os botões ou o interfone. Por isso, converse com a sua equipe de limpeza para que eles prestem atenção a esses detalhes. 

4. Não forçar a porta

Um hábito muito nocivo à conservação do elevador ocorre quando o passageiro força a porta para entrar ou sair do equipamento. Além de estragar a porta do elevador, uma vez que esse componente é eletrônico, o usuário ainda coloca a sua vida em risco. 

A porta do veículo é programada para abrir apenas quando ele já está no andar solicitado. Sendo assim, empurrá-la com força pode fazer com que o usuário tropece devido ao desnível. 

Em modelos mais antigos, cujas portas são de grade, isso pode causar sérios acidentes. 

5. Atenção com os bichinhos de estimação

Os animais também podem contribuir com a conservação do elevador. Para isso, os seus donos precisam evitar que eles arranhem a cabina. Ademais, não permita que eles urinem no equipamento, pois isso causa manchas e, a longo prazo, corrói peças do elevador. 

Como vimos, a conservação do elevador é uma obrigação de todos os passageiros. Converse com os moradores para que eles entendam a importância de proteger o patrimônio do condomínio. 

Gostou deste artigo? Então, compartilhe-o com os seus amigos pelas redes sociais!

(11) 2059-1628
(11) 2548-2169

(Atendimento 24 horas)

vendas@surmonter.com.br

Rua Antônio Ferraciolli, 405 - Jardim Catarina, São Paulo - SP, 03910-070

© SURMONTER FABRICAÇÃO E MANUTENÇÃO DE ELEVADORES - 2019 Todos os direitos reservados

desenvolvido por Public Online