Componentes de segurança do elevador: conheça os cinco principais!

Você já deve ter ouvido falar que o elevador é o meio de transporte mais seguro que em existe, não é mesmo? Uma reportagem do Correio Braziliense fez as contas e concluiu que é mais fácil ser vítima de um terremoto do que se acidentar nessa máquina — tudo isso, graças aos componentes de segurança do elevador.

Desde que foi criado, em 1853, a tecnologia por trás desse equipamento evoluiu muito. Para você ter uma ideia, já foi comum usar elevadores sem porta e que não paravam nos andares, obrigando o passageiro a pular para fora da cabine.

Se você quer entender melhor a tecnologia que torna os elevadores tão seguros, leia este artigo!

1. Componentes de segurança do elevador: painel de comando

O painel de comando garante o funcionamento do elevador, pois ele identifica quando uma pessoa chama o transporte, enviando o comando para que o elevador vá ao andar correto na velocidade adequada.

Portanto, a manutenção desse componente é fundamental, sendo recomendada a sua troca quando o elevador é muito antigo, já que os painéis atuais são mais modernos e seguros.

2. Freio

O freio é um dos componentes de segurança mais interessantes de um elevador. Esse dispositivo está sempre ligado, uma vez que ele é acionado por imãs.

Quando há energia elétrica, esses imãs permitem que o elevador ande. Agora, se houver queda de energia, eles são, naturalmente, acionados, parando o elevador. Por isso, os riscos de problemas no freio são mínimos.

3. Cabos

Um dos medos mais comuns das pessoas é que o cabo do elevador arrebente. Esse tipo de cena é muito comum nos filmes de ação. Acontece que um elevador precisa de, no mínimo, três cabos para funcionar.

Ainda que um deles apresente um desgaste, esse dano será reduzido pelos outros, afinal de contas, estamos falando de cabos de aço.

Em uma manutenção, todos os cabos são trocados, já que não é permitida a troca de apenas um deles.

4. Limitador de velocidade

Trata-se de um componente mecânico muito interessante, pois ele foi desenvolvido para identificar um aumento repentino da velocidade do elevador. Caso isso ocorra, o limitador irá, rapidamente, impedir que o elevador continue descendo.

5. Para-choque

No final do poço do elevador, existem algumas molas. A função desses dispositivos é absorver o impacto do elevador, caso o limitador de velocidade ou o freio do elevador não consigam reduzir a intensidade da viagem.

Uma situação assim é muito difícil de acontecer, mas, se ocorresse, é provável que acontecesse quando o elevador já estivesse próximo ao primeiro andar.

Agora que você entendeu um pouco mais sobre os componentes de segurança do elevador, ficou mais fácil entender porque esse meio de transporte é tão seguro, não é verdade?

Sabia que a Surmonter fabrica todos esses componentes que colaboram para que a viagem seja segura? Solicite um orçamento conosco e escolha uma empresa de qualidade quando o assunto for segurança!




(11) 2059-1628
(11) 2548-2169

(Atendimento 24 horas)

vendas@surmonter.com.br

Rua Antônio Ferraciolli, 405 - Jardim Catarina, São Paulo - SP, 03910-070

© SURMONTER FABRICAÇÃO E MANUTENÇÃO DE ELEVADORES - 2019 Todos os direitos reservados

desenvolvido por Public Online